[TCA16] HBO confirma que 8ª temporada de Game of Thrones será a última

O evento que reúne críticos de televisão do mundo todo para apresentações e bate-papo com os criadores dos maiores canais de televisão dos EUA em Beverly Hills, a TCA tour (Television Critics Association), aconteceu durante este semana. Especificamente no painel da HBO, que aconteceu neste sábado, a emissora confirmou que a oitava temporada de Game of Thrones, que irá ao ar em 2018, será também a sua última.

TCA_GOT

Casey Bloys, chefe de programação do canal há dois meses, disse durante o painel que o número de episódios que veremos na temporada final ainda não foi decidido, e que sempre foi desejo da HBO que Game of Thrones tivesse 10 temporadas, mas que eles irão seguir a concepção dos produtores sobre o que é melhor para a série. Casey também não descartou a possibilidade de ser criado um spin-off futuramente, mas que se for o caso, “ele precisa fazer sentido criativamente.”

Ele também confirmou outras informações importantes, como o retorno da série Leftovers em abril de 2017, e que True Detective terá uma terceira temporada, ainda sem data.

Não podemos deixar de relatar aqui que a HBO sofreu uma avalanche de questionamentos relacionados ao retrato da violência contra as mulheres em suas séries originais durante o painel. Isso porque, depois das problemáticas soluções de roteiro que vemos em Game of Thrones nesse sentido, duas novas séries da HBO parecem retratar as mesmas questões pelas quais o canal é constantemente criticado.

Evan Rachel Wood em Westworld

Evan Rachel Wood em Westworld

O piloto do esperado thriller de ficção científica Westworld  inclui uma cena em que [SPOILER] uma android é estuprada por um humano dentro do parque temático ultra-realista da série [/SPOILER]. Além disso, o drama chamado The Night Of, que estreou substituindo Game of Thrones nas noites de domingo, também conta uma subtrama sobre uma mulher que é uma vítima. Em resposta, Casey disse:

“Sobre o piloto de Westworld, o ponto é que neste universo eles são robôs. Como você trata um robô com qualidades semelhantes às humanas? É um reflexo de como você trataria um ser humano? É um pouco diferente de Game of Thrones, onde a violência é feita de humanos para humanos. (…) Posso dizer que a violência não é especificamente dirigida para as mulheres. É indiscriminada. Muitos homens são mortos também. (…) Acho que a crítica é válida. Acho que é algo que levamos em conta. Não é algo que queremos destacar ou que estamos tentando destacar. (…).”

A revista EW conta que uma das produtoras da série, Lisa Joy, falou mais tarde com a imprensa dizendo que:

“Isso foi definitivamente muito discutido. Westworld examina a natureza humana, as melhores partes da natureza humana, mas também as partes mais básicas da natureza humana, o que inclui a violência e a violência sexual, infelizmente, algo que é um fato da história humana desde o seu início. Portanto, quando abordamos um projeto sobre um parque que você pode visitar para experienciar qualquer desejo seu, sem impunidade, este é um dos problemas que precisamos apresentar. A violência sexual para todos da minha equipe é algo que levamos muito a sério, é extremamente preocupante e terrível. Nós realmente nos esforçamos para não ter que ser sobre a fetichização desses atos, trata-se de explorar e estabelecer o crime, e o tormento dos personagens.”

Westworld estreia na HBO em 2 de outubro. A série conta com Rodrigo Santoro no elenco e é produzida por J.J. Abrams e Jonathan Nolan. Ela é uma adaptação do filme homônimo onde a trama acompanha dois homens em um parque de diversões para adultos, Westworld.

Assista ao trailer:


Game of Throne retorna com sua sétima temporada no segundo semestre de 2017.

Compartilhe:

Ao comentar no site você aceita as regras previamente estabelecidas.

Posts Relacionados