Inspiração histórica para a caminhada de Cersei: a penitência de Jane Shore

ATENÇÃO: esse post contém spoilers sobre o último episódio da 5ª temporada de Game Of Thrones e A Dança dos Dragões.

Assim como outros fatos em As Crônicas de Gelo e Fogo/Game Of Thrones, George R. R. Martin se inspirou em fatos reais e históricos para escrever a caminhada de penitência de Cersei. Nesse caso, há uma leve inspiração na história de Elizabeth “Jane” Shore (c.1445 – c.1527), uma das muitas amantes do rei Edward IV da Inglaterra.

a

Elizabeth foi descrita por Edward como “a mais alegre, a mais astuta, e mais sagrada das prostitutas” em seu reino, porém após a morte de Edward, ela foi acusada de conspiração por Ricardo III, por transportar mensagens de William Hastings (1º Barão de Hastings) para a viúva de Edward, Elizabeth Woodville. As duas foram acusadas de bruxaria e Hastings foi imediatamente decapitado no pátio da Torre de Londres.

Sabia-se que Ricardo tinha bastante antipatia por Jane. Mas, não se sabe ao certo como, ele foi persuadido a ceder um pouco retirando as acusações de feitiçaria contra a rainha e reduzindo a acusação de Jane a “promiscuidade“. Ela foi forçada a fazer penitência, andando por Londres com os pés descalços apenas com sua anágua, carregando uma vela e cantando hinos. No entanto, diferentemente do que houve com Cersei, se Ricardo esperava humilhá-la por este tratamento, é possível que ele tenha sido desapontado (há controvérsias): aparentemente a multidão que se reuniu para testemunhar a pena ficou impressionada com sua beleza e com a dignidade que ela exibiu durante a sua provação.

The Penance of Jane Shore por William Blake

The Penance of Jane Shore por William Blake

Em Game Of Thrones, a Fé exigiu que Cersei fizesse uma caminhada de penitência do Septo de Baelor até a Fortaleza Vermelha. Cortaram seus cabelos deixaram-na nua. Uma escolta de Filhos do Guerreiro, Pobres Irmãos e septãs a acompanhou para protegê-la da multidão que se reuniu para zombar dela.

400px-Walk_of_Shame

Após passar pela penitência Jane foi confinada na prisão Ludgate, onde Thomas Lynom, o Procurador Geral do recém-coroado rei Ricardo III, foi visitá-la muitas vezes e logo se apaixonou por ela. Ele pediu ao rei para libertá-la para que ele pudesse se casar com ela e, embora Ricardo tenha tentado dissuadi-lo do que ele considerava uma ação tola ele finalmente deu sua permissão e os dois acabaram se casando.

Jane Shore na série The White Queen da BBC

Jane Shore na série The White Queen da BBC

Na mini série The White Queen da BBC, a atriz Emily Berrington interpreta Jane e também faz a caminhada de penitência.

Compartilhe:

Ao comentar no site você aceita as regras previamente estabelecidas.

Posts Relacionados

  • She-Ra

    Eita! Parei de ver essa White Queen! Mas a série é muito boa!
    E que caminhada essa da Cersei, heim? Tudo perfeito, nos mínimos detalhes (pelo menos até ela chegar e encontrar o Gregor – cortou o clima).

  • Devanil Júnior

    Essa cena foi tão perfeita, cara.

  • jorge_lito

    Pra quem não conhece assistam The White Queen, série fantástica.
    Tem pra todos os gostos, desde lutas de espadas, romance, política, ação, guerra, bruxaria, religião, ambientação incrível, fotografia belíssima, lindos figurinos, ótimos atores e atrizes, roteiro amarrado, direção precisa, entre muitas outras coisas que atraem ambos os sexos. E o melhor são apenas 10 capítulos e tem um ritmo alucinante…

  • Eu assisti, amei a série, li os livros e queria mais. É fantástica!

  • skyvolt

    Acho que esta cena foi a que mais teve uma mulher pelada em cena, em todas as seasons da série!

  • Furiosa

    A série The White Queen é muito boa e inspirada em três dos livros da série. Eu li apenas a Rainha Branca, que é justamente o que aparece Jane Shore, e, segundo a autora, as pessoas não a hostilizaram, “dizem que ela parece um anjo nu, belo e caído”.

  • narigoboy

    A caminhada da Cersei só deixou um pouco a desejar pq em alguns momentos deu pra notar a montagem do rosto dela no corpo da dublê… No mais… foi top mesmo. Chegou só o lixo e sangue no castelo.

  • LadyTargaryen

    História interessantíssima! Me deu vontade de recomeçar a assistir The White Queen, cujo primeiro episódio assisti, mas não dei continuidade por motivos de “várias outras séries para botar em dia”.

  • Anderson Lima

    Fiquei com muita dó da Cersei nessa cena…

  • Anderson Lima

    Ah nada a ver!

  • AquilaRose/

    Qual é essa teoria?

  • AquilaRose/

    Porque achou ruim? (curiosidade)

  • Poxa, que interessante!

    Fiquei curioso para ver esta série The White Queen!

  • Juan

    Muito interessante!

  • Furiosa

    Sim, tem desfecho. E como é baseada em fatos reais, é só ler a continuidade da história no wikipedia mesmo. Tem, infelizmente, um fato que fica sem solução, mas é porque ninguém sabe até hoje o que aconteceu.

  • jorge_lito

    Anunciaram no início como uma série, mas como o canal BBC One queria uma audiência melhor eles mudaram de ideia e ai virou uma minissérie. Foi de uma hora pra outra, a série já estava toda filmada. Tinha material para continuarem, pois tem mais livros e acabou deixando um gostinho de quero mais porque foi uma excelente adaptação, mas achei o desfecho bem satisfatório. Recomendo muito…

  • Isadora Oliveira

    The White Queen é curta e certeira. Uma das minhas séries favoritas na vida

  • Isadora Oliveira

    RITMO ALUCINANTE!

  • Rodrigo

    A mãe do rei vai passar por isto. Nunca em lugar nenhum isto aconteceu… Isto só acontece para quem não tem poder algum.

  • Flavio Lazar

    explique-me por favor essa teoria sir

  • Sir Ponce

    É apenas uma teoria HS = HR, ou seja Alto Pardal é o Howland Reed, amigo de Ned Stark. Aquele que “salvou” Ned na Torre da Alegria. A teoria tem muitos contras, mas faria(á) todo o sentido se for verdade.

  • JPaulBeaubier

    Eu preciso rever, mas ACHO que a única vez que notei o CGI de dublê de corpo foi enquanto ela ainda estava sendo lavada nas celas do Septo de Baelor.

    Mas bem da verdade, às vezes o pessoal tá muito pé no saco com esse lance de efeitos. GoT tem um orçamento alto, mas não é um filme.

  • Fabio Rogério

    E qual o poder do rei Tommen?
    O que poderia ter sido feito era o regente, tio Lannister, ter libertado a rainha para preservar a honra da Casa Lannister, mas, dada a antipatia que ele demonstrou por ela, parece que não fez muita questão.
    Além do mais, foi a própria Cersei quem reduziu o poder da corte, centralizando em si todas as decisões, praticamente desmanchando o pequeno conselho, isolando o filho mimado e , por fim, armando os Fiéis.
    O feitiço acabou virando contra o feiticeiro.
    O fato é que, por conta do que passou, parece que a Rainha-mãe percebeu a cagada que fez e fará o Alto Septão e seus seguidores pagarem pelo que fizeram a ela.
    A dúvida é: o que acontecerá com Loras e Margarey, que continuam nas mãos dos fanáticos? E Olena? Se aliará à rainha a fim de libertar seus netos? Ou usará sua influência para negociar com o Pardal a libertação deles em troca de proteção contra as represália da Corte?
    Tem muito pano pra manga aí…

  • AquilaRose/

    Ainda bem que não sou só eu que fiquei achando muito estranha essa impotência da realeza…

  • Caroline Muniz Mertin

    É uma série ótima! E os livros da Philippa Gregrory, da série “Guerra dos Primos”, que dão origem a série são muito bons também 🙂

  • Orlando Gadelha

    Por trás de um grande livro existe sempre grades referências. Com As Crônicas de Gelo e Fogo não poderia ser diferente. Muito bom poder viajar por essas histórias que o George procurou inspiração para fazer sua obra prima. Cada página é uma descoberta e cada episódio uma surpresa. O conjunto da obra está estupendo, mesmo com as diferenças e mudanças proporcionadas pela série. Adoro esse história e gosto ainda mais das coisas vem por trás dela! Fantástico! E parabéns ao colaboradores dessa site!

  • Aeee valew pelas sugestões! Darei uma olhada nisso!

  • Assista e leia os livros! Vale a pena.

  • Tem final sim, os outros livros contam histórias de outras personagens, a série cobre os acontecimentos do primeiro livro. Apenas decidiram não continuar o restante da história, mas é bem legal.

  • Não entendi Jonathan. =]

  • Luana

    Qual epi é a caminhada da Jane Shore?

  • Obrigado, Lidiany! 😛 Farei isso! Entrará para minha lista de livros para ler no trem

  • Eddie

    Sério que vc perguntou isso?

  • São Hipster

    Sério que você perguntou isso? Que falta faz ler uma legendinha embaixo de uma foto. Ela tá falando da série The White Queen, parça, então meça seu pedantismo.

  • Rafaela Bastos

    Percebi o efeito mas acho que não deixou a desejar não.
    Mesmo quem odiava a Cersei ficou com um pouco de dó, então a cena funcionou como era esperado.
    Hoje em dia assisto O Senhor dos Anéis, que na época ganhou todos os Oscars de efeito especial e acho o CGI bem esquisito, mas não estraga o filme.

  • Rafaela Bastos

    Acho o alto Pardal um pouco velho demais pra ser HR…
    Ele parecia até mais novo que o Eddard pela descrição dos eventos no torneio de Harenhal.

  • Narciso L. Junior

    vai ter um ” Inspiração histórica ” para a ceno do jon sonw?

  • Eddie

    Parça, a moça não assistiu ao vídeo, por isso meu “pedantismo”, entendeu? Reclamei pela falta de atenção dela ou até mesmo por não se dar ao trabalho de assistir de novo e vir aqui perguntar. Posso achar ruim, posso?