Por Dentro do Episódio 5.04: “Sons of the Harpy”

37

Nos vídeos com comentários da produção sobre o episódio Sons of the Harpy, David e Dan explicam que as Serpentes de Areia não são responsáveis por Dorne, e que sua vingança é motivada por questões pessoais e não políticas. Sobre Sansa, eles comentam que Sansa sempre sonhou em sair de Winterfell e se casar com o príncipe. E que agora, voltar para o lar é uma oportunidade para a personagem dar valor a sua terra natal, e ela faz isso ao prestar homenagem a seus ancestrais (no caso, Lyanna Stark). Sobre Shireen e Stannis, eles dizem que era importante mostrar diferentes cores em Stannis neste momento, ao deixar a guerra de lado para ser pai de sua filha.

Sophie Turner fala no vídeo ‘Trusting Littlefinger’ sobre Sansa e Mindinho terem uma relação esquisita e se entenderem dessa maneira. Ela fala que Sansa sente que os planos de Mindinho não estão 100% claros, mas que ela sabe que ele tem algo reservado pra ela e que confia nele. Porque todos a subestimam naquele universo, menos ele.

No último vídeo, George R. R. Martin fala sobre o Alto Pardal e a Fé Militante. Ele conta que a ideia da série é mostrar como a Fé se tornou corrupta com o tempo. E que o Alto Septão é como o papa, mas um papa cheio de vícios e pecados. Uma vez fora do jogo, é hora de eleger um novo líder, que esteja disposto a limpar os pecados do povo e que esteja livre dessa corrupção: o Alto Pardal, que Cersei arma e empodera, colocando na mesa um novo jogador na guerra dos tronos.

Você encontra a cobertura completa desse episódio com a análise com spoilers dos livros, e ainda nosso podcast que discute as cenas e motivações de High Sparrow.

Compartilhe:

Ao comentar no site você aceita as regras previamente estabelecidas.

Posts Relacionados

  • Matheus Laste

    Obrigado por resumirem o que foi dito nos videos!