Manuscrito original de A Guerra dos Tronos não teria dragões

Após divulgar o manuscrito perdido de A Dança dos Dragões, o usuário do reddit honeybird, retornou a biblioteca e foi informado que o próprio George R. R. Martin solicitou que o acesso ao manuscrito fosse impedido até que The Winds Of Winter seja publicado.

Contudo, o acesso aos manuscritos de livros anteriores continuava liberado. Assim, ele partiu para a leitura do manuscrito original de A Guerra dos Tronos e observou um fato muito importante que havia sido excluído da história: não havia nenhuma menção aos ovos de dragão de Daenerys.

“Daenerys não os recebeu os ovos de dragão como presente de casamento. Não há nenhuma menção aos ovos de dragão nos seus primeiros capítulos. Daenerys só recebeu os seguintes presentes: as aias, os livros de Jorah, as armas de seus companheiros de sangue e a égua Prata de Drogo”.

ovos dragao daenerys

Esta descoberta representa uma confirmação de outra fonte. George já havia dito em uma ocasião que inicialmente não teria colocado dragões em sua história, como ele mesmo afirmou nesta entrevista com Conan O’Brien.

CONAN: Eu não sei se isso é verdade ou não, mas inicialmente, quando você começou a escrever a série, você não quis incluir dragões. Você tinha visualizado este reino, mas não necessariamente era um fã de dragões ou pensava fossem fazer parte dela. Isso é verdade?

GEORGE RR MARTIN: Eu pensava assim. Estamos falando de 1991. Eu tinha escrito meus primeiros capítulos. Era um romance de fantasia muito realista, tinha muito pouco de magia. Eu sabia; mas a questão foi, deve ter dragões reais, ou deveria ser um símbolo? Eu estava debatendo comigo mesmo até que um amigo meu, um escritor muito talentoso de fantasia, Phyllis, leu alguns dos primeiros capítulos e disse George, isso é fantasia. Deve ter dragões reais.

daenerys drogon

Leia mais sobre os manuscritos originais de A Dança dos Dragões aqui e de A Guerra dos Tronos aqui.

E você, o que acha de Game Of Thrones sem os dragões? O que seria de Daenerys sem eles?

daenerys dragons

Compartilhe:

Ao comentar no site você aceita as regras previamente estabelecidas.

Posts Relacionados

  • Weberson Rocha

    Sem dragão não de jeito algum. Tanto que estou esperando até o Dragão de gelo, que eu acredito que ta adormecido na muralha.

  • Vaz

    Sem dragões: Daenerys = Cabeça em lança sobre muralha de Porto Real

  • AUSHAUHSAUHSUAHSUAHSUAS

  • ferakmi

    Sempre achei ASOIAF muito mais voltado pra politica e a incrivel humanidade que George consegue construir nos personagens (por exemplo Jaime, que muda completamente ao decorrer da historia)
    Acho os dragões necessarios só por causa dos Outros, mas, fora isso, se os livros fossem apenas sobre o conflito politico de Westeros, não seria tão essencial ter dragões para ler uma historia incrivelmente bem montada

  • ferakmi

    Essa teoria ja era cara kkkkk o proprio livro O Mundo de Gelo e Fogo desmentiu essa historia do dragão de gelo, é so um conto da velha ama mesmo kkkk

  • Juan Pianecer

    Cara, o livro não desmentiu nem confirmou nada. Não esqueça que o livro foi escrito a partir do ponto de vista de um meistre, que vale mencionar, não acreditava em magia.

  • Martins

    Não era pra ter… dragões?!
    .
    .

  • valaeuu Phyllis!!!

  • Calvin

    Resta a possibilidade que Dragão de Gelo seja a alcunha pela qual um certo personagem vá ser conhecido futuramente. Não creio precisar dizer qual.

  • Liz

    Daenerys só seria chata, porque agora ela é a chata com dragões.

  • Renan

    mas isso ja era conhecido, no terceiro livro ele faz uma dedicatória para Phyllis, q nas palavras dele “me obrigou a incluir os dragões”.

  • Calvin

    Sem falar que, se fosse só conflito político, a facção que contasse com dragões teria uma enorme vantagem sobre as outras; ou seja, haveria o risco da história acabar ficando previsível.

  • Vanessa

    Uau!!! :O Seria ótimo ser conhecido assim do que pelo que o tal personagem é conhecido atualmente não??

  • DihGamer

    Nossa se não tivesse dragões a historia perderia a magia
    Sem eles a família Targaryen não teria graça….
    pra mim eles sao uma das coisas mais fod* da historia *—*

  • DihGamer

    Errado…..se os dragões não tivessem nascido provavelmente ela morreria no deserto ‘-‘

  • Francisco Antonio Mendes Perei

    sem conta q os meistre vcs vão ver q ele manipula muita coisa e pq naum o mito do dragão de gelo.Se tiver a serio vai pra nivbel hard core

  • Vaz

    Pode crer! Não tinha pensado nisso, valeu!

  • Vaz

    Concordo. A galera fala com tanta certeza que as vezes acho que eles que tão escrevendo o livro, huehue

  • O livro não desmentiu diretamente, até porque isso seria impossível. Mas, alguns pontos simples:

    O fato de os meistres não acreditarem em magia não impediu que Yandel (o que escreve o Mundo de Gelo e Fogo) citasse várias lendas sobre os gigantes e filhos da floresta e mencionasse a participação deles na construção da Muralha. Mesmo descreditando as lendas, elas foram mencionadas. E não só sobre a Muralha, inúmeros outros relatos lendários são citados pelo meistre – relatos que depois ele diz provavelmente não passarem de histórias, mas que estão lá no livro.

    O Yandel, inclusive, faz menção a lendas sobre a existência dos próprios dragões de gelo no Mar Tremente. Não é mencionado nada sobre algum na Muralha, porém.

    Se existisse um rumor, lenda, história ou conto sobre um dragão de gelo dentro da Muralha, não teria por que ele não mencionar isso no livro, porque seria algo enormemente relevante (nem que ele mencionasse e depois dissesse que não se tratava de mais que uma lenda). E nem dá para dizer que seria uma lenda perdida no tempo, sendo um ser tão único. Se relatos de outros seres mágicos de menor relevância perduraram (até aranhas de gelo gigantes), não é razoável assumir que um dragão de gelo guardado dentro da Muralha fosse ser esquecido e sumir das lendas. A conclusão lógica é que elas, e ele, por consequência, não existem – ao menos na Muralha.

    Além do mais, a figura do livro que retrata a construção da Muralha (reproduzida abaixo) não inclui esse ser, e ao mesmo tempo inclui outras figuras mágicas e lendárias para os meistres: gigantes e filhos da floresta, além de humanos com maquinário. Mais uma vez, a omissão de um bicho desse calibre não faria sentido algum.

    A teoria não tem base textual nenhuma, e se se tiver um pouquinho de boa vontade e de bom senso, com base no que os livros mostram, a conclusão lógica a que se chega é a de que não é factível. Não passa de wishful thinking cujo argumento final sempre acaba sendo “não é possível ser 100% refutado”.

    http://1.bp.blogspot.com/-z9qvOHNxuPc/VFAFMP-4vRI/AAAAAAAAIjs/7ZQiifdZhb4/s1600/Building%2Bthe%2BWall_Chase%2BStone_wide%2Bcrop.jpg

  • Um significado simbólico assim realmente faz bastante sentido.

  • João

    Se não tivesse dragão a Dany não seria nada, nem a família dela, seriam um povo normal, já que sem os dragões os Targaryen não conquistariam Westereos, sem Conquista, sem Trono de Ferro, sem Trono, sem Dany tentando “recupera-lo”.

  • Anderson Lima

    O que me comprou na série foi o nascimento dos dragões no último episódio da primeira temporada. Foi isso que me convenceu a continuar assistindo ela!

  • Tyrion Lannister

    Se não tivesse os dragões, a Daenerys não teria tanta graça.

  • LyannaStarkWIC

    sinceramente achava ela mais interessante antes dos dragões

  • Juan Pianecer

    Primeiro que a discussão não é sobre a solides da teoria, e sim sobre a afirmação que Mundo teria desmentido a teoria, o que não ocorreu. “Não citar” e “provar a não existencia” são coisas bem diferentes.
    Além disso, Mundo tem o objetivo não dar spoilers sobre a saga, e convenhamos, qualquer referencia a um dragão de gelo na muralha seria no minimo perigosa.
    Por fim, não sei porque a lenda não pode ter se perdido, ou até “eliminada” da historia por algum motivo especial.
    Mais um adendo, até concordo que seja mais um “wishful thinking” do que qualquer outra coisa. Agora, existe sim embasento pra teoria, apesar de bem superficial, mas existe…

  • Para a existência do dragão de gelo realmente existe algum embasamento, para a existência de um dentro da Muralha, eu sinceramente, sem desmerecimento nenhum, não sei qual é. O não citar corresponde basicamente a “ausência de evidência”. E sem evidência (porque nos outros livros também já não tem), por que acreditar nisso? Eu pessoalmente não gosto.

    Sobre a possibilidade da lenda ter se perdido, é o que eu expliquei acima, dada a importância que teria uma coisa dessas e o quão única ela seria, simplesmente não seria lógico isso desaparecer, ainda mais quando se leva em conta que outras lendas – que frente a essa seriam de menor importância – sobreviveram na tradição oral e nos anais da Muralha.

  • Juan Pianecer

    Bom, não vejo nada de ilógico. Na nossa própria historia, coisas importantes foram esquecidas, ou até eliminadas (vide vários conhecimentos/livros durante a idade das trevas), por que não no universo de gelo e fogo?
    Mas enfim, ai a gente começa a entrar na questão do ponto de vista de cada um, e isso não da pra discutir…

  • Aegon Blackfyre

    Seria legal, diferente, mas legal. Ele focaria mais na politicagem, o que tb não deixa de ser muito foda.

  • Vaz

    Opa Felipe tudo bem? hehehe
    Gostaria sim que existisse esse tal dragão, mas realmente não tem muita referência à ele nos livros. Não faz muita diferença pra mim, afinal, o que mais curto nas crônicas é a política dos homens.

    Como trabalho com ciência gostaria de deixar claro uma coisa, visto que você usou em seus argumentos: na Paleontologia sabemos que “ausência de evidência” não é a mesma coisa que “evidência de ausência”, se fosse esse o caso nas crônicas, poderíamos sim desprezar totalmente essa teoria do dragão na muralha.

    Mas valeu e parabéns pelo site.

  • Valeu Vaz. Eu entendo essa distinção. O que eu disse é justamente que a ausência de evidência não permite descartar categoricamente a existência, mas significa também que não traz nenhum motivo razoável para que se acredite nela (afinal, não ha evidência, apenas conjecturas aleatórias que não podem ser desprovadas).

    Por que razão acreditar em um chute no escuro assim, ainda mais à luz de argumentos que, se não permitem refutar completamente a hipótese, no mínimo a colocam como bastante improvável?

    Do contrário, ficaremos a supor qualquer hipótese mirabolante sobre os livros e a tomaremos como provável só porque não se pode refutar definitivamente. Eu pessoalmente não acho que isso seja um bom modo de fundamentar teorias (principalmente quando comparamos com aquelas que têm evidências textuais fortíssimas).

  • Leandro Soares

    Fiquei em dúvida, Ele queria criar o mundo dos livros sem dragões OU somente não trazer os dragões de volta?

  • Vaz

    Pode crer, concordo contigo agora. Valeu cara.

  • ferakmi

    Mesmo não sendo só conflito politico, ja acho apelação demais pro lado da Dany, porque só de ouvir falar dos dragões, qualquer Casa ja treme na base kkkkkkk

  • Vaz

    Sem os dragões.

  • ferakmi

    achava ela interessante antes da morte do Drogo, depois ela quis virar a mamãe responsavel com esse papo de “meus filhinhos” e tal, muito irritante..

  • Gildo Cravo Batinga Neto

    Os dois.

  • Gildo Cravo Batinga Neto

    O mundo é mágico, ponto. Com ou sem dragões, Daenerys ainda vai usar da magia de fogo e ajudar a salva-lo.

    Será que Daenerys vai precisar da ajuda de Bran para salvador o mundo do eterno inverno ou do verão sem fim?

  • Calvin

    Mais cedo ou mais tarde as coisas devem equilibrar-se um pouco. Jon pode não se tornar rei, mas pra mim é praticamente certo que ainda vai domar um dragão. Minha única dúvida é qual – embora Rhaegal me pareça ser o mais provável.

  • Victor

    Em A Tormenta das Espadas tem um agradecimento a Phyllis na página 6.

  • Felipe Castro

    concordo, é bem legal ter dragões ao decorrer da história, mas o foco mesmo está na politica!!

  • Daenerys Misândrica

    Ainda bem que não deixou de fora, porque eles são MARAVILHOSOS.