Elio García e Linda Antonsson respondem mais perguntas sobre O Mundo de Gelo e Fogo

FOTO: BJÖRN LARSSON ROSVALL/TT

FOTO: BJÖRN LARSSON ROSVALL/TT

Elio e Linda, co-autores de O Mundo de Gelo e Fogo, voltaram ao Reddit hoje para participar de mais um AMA (Ask Me Anything) na rede social. Eles já haviam respondido perguntas dos membros antes do lançamento do livro, e desta vez contribuíram com mais 20 respostas sobre o processo de escrita e conteúdos de O Mundo de Gelo e Fogo. Confira:

1. Quais foram algumas ideias que vocês sugeriram às quais GRRM disse “não”?

Algumas coisas sobre as quais perguntamos a George eram coisas do tipo finalmente ter os nomes dos dias da semana, que presumimos existirem, mas por razões compreensíveis (ou seja, mais detalhes para se preocupar ao escrever os livros) George não quis entrar no assunto. Nossa ideia de uma carta celeste (mencionada no AMA anterior) foi algo que George não esteve muito certo a respeito, e quando chegou o momento e preocupações com o orçamento sobre a parte artística se envolveram, pareceu melhor cancelar. Nós queríamos saber mais sobre o destino dos últimos dos dragões Targaryen – particularmente o de Rhaena – mas George não quis compartilhar!

2. Qual é sua opinião pessoal sobre a pedra negra oleada aparecendo em todos os lugares de Asshai até as Ilhas de Ferro? Isso vai ser relevante para a série principal? O quanto isso é relevante para a ideia de que houve/há uma raça esquecida de pessoas que uma vez se espalhou pelo mundo conhecido?

Acreditamos que deve se relacionar com uma alguma raça ou espécie antiga que antecedeu a civilização humana, apesar de provavelmente não serem os filhos da floresta. E nossa suspeita é que eles tenham algo a ver com as origens de Valíria. Mas isso tudo é relevante para a história atual das Crônicas de Gelo e Fogo? Talvez só de uma forma bastante indireta, através de Melisandre de Asshai.

3. O que vocês diriam que é a maior contribuição ao conhecimento do Mundo de Gelo e Fogo ao universo das Crônicas de Gelo e Fogo que a comunidade de fãs deixou passar?

Pelo que podemos ver, os fãs no fórum ASoIAF, no Reddit e nos outros lugares realmente não deixaram passar nada. Quaisquer áreas em que a discussão é mais vaga ou menos precisa é devido às circunstâncias de quanta informação foi realmente liberada.

4. Existem eventos/personagens do Mundo Gelo e Fogo que vocês acreditam que deveriam funcionar como pano de fundo para eventos futuros na história (por exemplo a etimologia valiriana/Targaryen do nome Serra [encontrado na filha de Jaehaerys I, Viserra] funcionando como um precedente de nome para personagens como Serra Mopatis)? Se sim, poderiam revelar um nome, personagem ou evento do Mundo de Gelo e Fogo que vocês acham que tem consequências no seguimento da história?

“O arquimeistre Rigney escreveu um dia que a história é uma roda, pois a natureza do homem é fundamentalmente imutável. O que aconteceu antes irá forçosamente voltar a acontecer, ele disse”.

5. Quão específico GRRM foi sobre o Extremo Oriente além de Qarth, e quanto mais foi especulação da parte de vocês? Sou fascinado por praticamente tudo além das Montanhas de Osso. 

95% do material sobre o extremo oriente foi escrito por George, e diríamos que 90% do que ele escreveu realmente ficou no livro – teve um pouco que foi cortado aqui e ali, a maior parte nas seções sobre Yi Ti e os Dothraki.

6. Há uma frase no capítulo de Asshai que realmente se destacou para mim, “Não há crianças em Asshai”. Pareceu não se relacionar com nada, e foi um tanto assustador quando eu li. Algum dia vamos descobrir porque é assim? Há algum tipo de significado maior para esse fato?

There is one line in the Asshai chapter that really stood out to me, “There are no children in Asshai”. It seemed almost apropos of nothing, and was somewhat startling when I read it. Will we ever find out why this is the case? Is there some sort of larger significance to this fact?

É arrepiante, essa é a maior coisa que tiramos disso! Mas suspeitamos que tem relação com a pedra negra oleada. Algum dia descobriremos mais?

… só a Sombra sabe.

7. Vocês podem fornecer alguma informação no “Pacto de Gelo e Fogo”, mencionado apenas uma vez no Mundo de Gelo e Fogo? Vocês tiveram alguma discussão sobre ele com George? Alguma detalhe adicional sobre ele foi cortado do Mundo de Gelo e Fogo, que vocês saibam? Ou sempre foi apenas aquela frase?

Por razões de espaço, detalhes sobre o pacto – particularmente certos detalhes indecentes de um certo Cogumelo, envolvendo o Príncipe Jaehaerys supostamente se apaixonando e se casando secretamente com a meia-irmã bastarda de Lorde Cregan – tiveram que ser cortados. Entretanto, a parte central é como está no livro: Cregan concordou em apoiar Rhaenyra pela promessa de uma noiva Targaryen.

8. Em O Mundo de Gelo e Fogo, a história da Patrulha da Noite quase não foi explorada. Existem detalhes sobre a Patrulha que foram escritos mas não incluídos no livro? O Fortenoite, o Rei da Noite, a História dos Senhores Comandantes, particularmente Brynden Rivers, etc?

Essa é uma área em que George não ofereceu nenhuma nova informação – ou porque ele não tem detalhes em mente, ou, talvez mais provavelmente, porque ele prefere que certas revelações ocorram nos livros. Dito isso, se realmente é revelador, é provavelmente algo que meistres como Yandel teriam pouca ou nenhuma suspeita a respeito.

9. As referências a HP Lovecraft em O Mundo de Gelo e Fogo são apenas homenagens ao autor ou há outro propósito por trás delas?

Como nas cidades mortas de pedra negra oleada, é tudo muito assustador, não é? Mas sim, é geralmente só prestar homenagem. George sabe bem sobre a história do gênero e é grato aos que pavimentaram o caminho.

10. O que aconteceu com a “Irmã Negra” depois que Corvo de Sangue se juntou à Patrulha? A Companhia Dourada tem a Blackfyre?

Boas perguntas para as quais não podemos dar respostas – tudo que temos é especulação.

11. Apesar de que provavelmente não vamos ver muito, eu fiquei bastante interessado em Sothoryos. Qual é sua opinião sobre os desaparecimentos em Yeen e sua reputação violenta?

Magia negra não é algo para se brincar.

12. Qual foi a informação mais interessante que teve que ser cortada por razões de espaço? Por exemplo, houve algum tipo de história de Casa muito legal que não passou pelo cepo?

Nós mencionamos isso antes, mas tivemos que comprimir muito do material sobre a regência de Aegon III. Há muitos jogadores diferentes, cada um com seus próprios objetivos, que têm um papel na história daquele conturbado reinado inicial, mas devido a restrições de espaço tivemos que deixar só as partes essenciasi, apenas com incursões ocasionais às complexidades e aspectos mais coloridos. Se o FIRE AND BLOOD sair, a história do reinado de Aegon III é a primeira coisa em que nós mesmos vamos querer dar uma olhada.

13. O mundo todo é afetado pelo inverno? Por que as pessoas simplesmente não migram para o sul durante o inverno, possivelmente para Sothoryos? A situação com os Outros, filhos da floresta, e a Longa Noite só pareceu afetar a história de Westeros. A Longa Noite é mundial?

Não é tão fácil se mudar hoje em dia para a maioria das pessoas, se você pensar bem. Você poderia simplesmente largar tudo e mudar para outro continente se quisesse? Muito poucas pessoas podem dizer “Sim” a essa pergunta. Agora pense nisso em uma época pré-moderna, com muito mais dificuldades envolvidas na viagem, incertezas muito maiores, e por aí vaí.

George disse que as áreas mais ao sul também são afetadas pelas estranhas estações, mas obviamente lugares mais equatoriais teriam menos impacto do clima frio.

(Dito isso, o outro problema com Sothoryos é que é um lugar terrivelmente insalubre!)

14. Conhecendo GRRM como vocês conhecem, como vocês descreveriam a relação dele com o universo das Crônicas de Gelo e Fogo que ele criou? Ele é perdidamente apaixonado por seu trabalho ou seus sentimentos a respeito do mundo mudaram com o passar dos anos?

Como ele disse no passado, nos bons dias, ele facilmente se perde nas Crônicas de Gelo e Fogo e na ambientação… e pelo que Parris nos contou quando estávamos numa festa na Worldon, George ficava inquieto à noite, e acordava cedo de manhã para ir direto a seu escritório porque havia tantas ideias na sua cabeça. Ele gosta muito do que criou, e está criando, mesmo que não tenha sido sempre fácil.

15. Eu prometi a mim mesmo que leria O Mundo de Gelo e Fogo do começo ao fim, da primeira página à última. Droga, logo de cara, eu fui olhar Asshais-sob-a-Sombra. Vamos ter mais informações no futuro sobre essa misteriosa, curiosa parte do mundo? Eu entendo que vocês não possam entregar o roteiro, mas apenas, em algum momento vamos ler? Muito obrigado por sua primeira aparição e por essa repetição. É apreciada.

George disse que no máximo vamos ver um pouco de Asshai via flashback – de Melisandre, presumivelmente – então isso é tudo que podemos dizer também. Talvez se George escrever FIRE AND BLOOD, ele possa encontrar um motivo para falar sobre Asshai.

16. Desde The Princess and The Queen, houve muita discussão sobre se Nettles era uma semente de dragão ou não. Entretanto, na página 81 do Mundo de Gelo e Fogo é dito que o Ladrão de Ovelhas foi “domado por uma semente de dragão”. Isso poderia e deveria ser tomado como uma confirmação do status de semente de dragão de Nettles, ou está sujeito a redação histórica não-confiável?

Meistre Yandel escreve baseado no registro histórico (… na maior parte …), mas esse registro é imperfeito e frequentemente um questão de conjectura. Neste caso específico, Yandel e suas fontes aderem à ideia de que se você pode domar um dragão, você deve ter sangue Targaryen. É, é claro, raciocínio circular à sua maneira, mas há evidência circunstancial (a saber o fato de que ninguém que se esteja absolutamente certo que não tem nenhum sangue Targaryen jamais conseguiu domar um dragão Targaryen, pelo menos até onde aponta o registro histórico).

17. Vamos saber o que havia na carta que o Príncipe Nymeros enviou a Aegon I?

Alguns mistérios devem permanecer misteriosos.

18. Quem vocês acreditam que construiu a Cadeira de Pedra do Mar?

Algum povo perdido de além do Mar do Poente, que é provavelmente bastante relacionado aos construtores da pedra negra oleada.

19. Isso tem me incomodado há alguns anos. Os Lannisters de Lannisporto são uma verdadeira Casa Nobre independente?

Pelo que George nos indicou, eles são uma família nobre, ou no mínimo da pequena nobreza.

20. Podemos esperar mais algum material sobre as terras distantes de Asshai, Sothoryos ou as terras além dos oceanos ocidentais em algum futuro previsível?

Só George pode dizer com certeza! O que ele escreveu sobre essas regiões saiu no livro quase que inteiramente, então ele teria que criar mais coisas novas.

Algumas respostas interessantes, principalmente a sobre Nettles e seu status de dragonseed. Nada de efetivamente novo, porém: o raciocínio circular de Yandel e dos outros meistres já era uma coisa perceptível, e a dúvida e a discussão sobre ela ter mesmo sangue Targaryen ou não ainda perduram. A referência à fala do Arquimeistre Rigney e à possível repetição de temas também me pareceu importante.

 O AMA completo com os comentários (em inglês) você encontra aqui.

Compartilhe:

Ao comentar no site você aceita as regras previamente estabelecidas.

Posts Relacionados

  • Vitor

    O que aconteceu com Nettles, Última vez ela foi vista Voando sobre as Brumas da Baía Caranguejo? Já que ela não Morreu em Batalha o que houve com ela?

  • É possível que ela tenha se instalado no Vale e se tornado a “bruxa do fogo” que havia ali após a Dança dos Dragões, venerada pelos Homens Queimados e que comandava um dragão, mencionada em O Mundo de Gelo e Fogo.

  • Vaz

    E esse e outros dragões selvagens pe, o Mundo cita onde eles podem estar? Nas crônicas dissem que todos estão mortos, mas na verdade, nunca mais foram vistos seria o mais correto. Asshai tv? Quem leu pode me informar? Obrigado.

  • Ze Andrade

    Elio , Linda e Martin bem que poderiam fazer uma ponta na série, ao estilo Hitchcock.
    -Linda, uma imã silenciosa
    -Elio, um construtor na muralha
    – Martin, um arquimeistre da Cidadela em Vilavelha

  • Juan Pianecer

    É justamente assim que é retratado nos livros, “nunca mais foram vistos”, e assim, provavelmente desapareceram.

    Mas ha indícios de outras criaturas interessantes, como wyrm, ou as serpes, onde o meistre cita relatos de forma que elas realmente parecem existir.

  • Myriel

    Achei estranho no livro não aparecerem muitas informações sobre os Dothraki, então eles explicaram que parte do material foi de fato cortado. Talvez Martin tenha preferido isso porque várias informações sobre os senhores dos cavalos já foram apresentadas no primeiro livro das Crônicas, e dessa forma sobraria mais espaço para os outros relatos.

    Além disso, após a leitura fiquei com a suspeita de que os Dothraki são descendentes dos Jogos Nhai, uma vez que seus ancestrais vieram do leste dos Ossos e deixaram ossos no caminho (daí veio a alcunha das montanhas).

  • Os firewyrms são mencionados na série principal também pelo Homem Gentil da Casa do Preto e Branco, como tendo existido nas Quartorze Chamas antes dos dragões. E “wyrms” e “wyverns” também fazem parte do raro Unnatural History do Barth, sobre dragões (o mesmo em que ele fala que dragões não são macho nem fêmea).

  • Juan Pianecer

    Pode ser, mas tive a impressão que a fisiologia dos dothraki e dos jogos são bem diferentes. Acho mais provável que eles tenham sido expulsos das terras mais ao leste pelos jogos, do que serem descendentes destes… Até porqur, se eles coexistiam, com certeza viviam em guerra…

  • Vaz

    Valeu pela informação Juan. Vou ver se começo a ler o Mundo de gelo e fogo.

  • Myriel

    É verdade, as tradições são diferentes, embora não seja difícil que os povos mudem seus costumes quando são exilados (ainda mais no caso de nômades).

    É dito que os Dothraki começaram suas grandes incursões nas Cidades Livres, Reino de Sarnor e Qaathi há aproximadamente 400 anos antes da data atual do enredo (durante o Século de Sangue). Se os ancestrais dos Dothraki vieram dos Ossos por volta dessa data ou até alguns séculos antes, realmente fica difícil acreditar que eles formaram tantos aspectos de sua cultura em tão pouco tempo, inclusive sua própria linguagem.

    Também acho engraçado a semelhança entre ambos: os Dothraki provocam o terror ao oeste dos Osso, enquanto os Jogos fazem o mesmo ao leste das montanhas.

  • Patrick

    Tambem não consegui me segurar e foi ler o fim do livro. Aliais eu li a parte sobre Essos antes de de ler sobre Westeros.Qunato a Assahi,acredito que vamos ver mais sobre essa região misteriosa e sinistra nos próximos livros

  • Giovanna Givoni

    O que sera que estava na carta do principe nymeiros a aegon I.Sera que a Reanys tinha sobrevivido??