Entrevistamos Lino Facioli, ator que interpreta Robin Arryn em Game Of Thrones

Lino Schmidek Machado Facioli, conhecido como Lino Facioli é um ator brasileiro, que vive em Londres desde 2005 e que atua em Game Of Thrones no papel de Robin Arryn. Nos livros, o personagem de Lino se chama Robert Arryn, mas na série o nome foi alterado para não confundir os espectadores com o personagem Robert Baratheon.

Lino Facioli em Game Of Thrones com Kate Dickie (Lysa) e Michele Fairley (Catelyn)

Lino Facioli em Game Of Thrones com Kate Dickie (Lysa) e Michele Fairley (Catelyn)

Além de atuar em Game Of Thrones, Lino estreia esse ano na adaptação do romance de Fernando Sabino, O Menino no Espelho. Neste filme, Lino interpreta Fernando, o protagonista da história  (e o próprio autor do livro), além de Odnanref, o reflexo de Fernando que sai do espelho.

Fizemos uma entrevista (q & a) com o Lino a respeito de seu trabalho, sua vida como ator e também de sua atuação em Game Of Thrones e O Menino no Espelho. Aproveitem para conhecer um pouco mais sobre Lino Facioli.

Lino Facioli

Lino Facioli acessando o Game Of Thrones BR!

 

E então, como foi voltar a Irlanda do Norte depois de 2 anos e perceber o quanto a história andou?

Lino: Quanto a história não sei, mas foi interessante perceber o quanto as instalações da produção da 1ª temporada passaram de temporárias para permanentes, e o nível da produção em geral que já era alto, ficou maior ainda.

E voltar ao Brasil logo depois pra gravar um filme inteiro em português? Vi numa entrevista que o diretor do filme, Guilherme Fiúza, elogiou bastante sua atuação e sequer comentou qualquer dificuldade com seu português.

Lino: Na verdade, eu fiz o filme antes de voltar para gravar a 3ª temporada de Game of Thrones*. Foram somente alguns dias em Belfast, mas só tivemos tempo de passar em casa na volta do Brasil, pegar umas roupas e correr pro aeroporto!

Português foi a minha primeira língua, em casa só falamos em português e além disso temos vários amigos brasileiros aqui em Londres. O problema no filme foi o meu ‘R’ puxado do interior, então trabalhei com a fono que me ajudou a neutralizar esse sotaque, e também a articular melhor as frases, porque as vezes eu falo meio ‘comendo’ algumas palavras.

* Lino chegou a gravar ano passado para a 3ª temporada, conforme noticiamos aqui, mas as cenas ainda não foram exibidas.

É a primeira vez que você atua diretamente com atores da sua idade, e dessa vez num papel principal, sentiu diferença? Você era o mais experiente das crianças, não?

Lino: Eu já havia trabalhado com gente da minha idade antes, mas por muito pouco tempo (um dia só de gravação para um curta). No filme todos eram muito dedicados e trabalharam muito bem. A Giovanna (Rispoli) ja tinha feito alguns trabalhos antes, e o Murilo (Quirino) fazia teatro. Foi uma experiência muito boa dessa vez, porque eu tive mais tempo e oportunidade para conhecer meus colegas de trabalho, e com isso ficamos muito próximos, muito amigos. Saiamos pra passear na cidade, explorar o bosque do hotel, nadar na piscina, e todas as aventuras durante as gravações. Tenho muita saudade de todo mundo!

Qual foi seu papel mais difícil? Você considera complicado atuar em Game Of Thrones?

Lino: Não sei dizer se tive um papel mais difícil de fazer, pois cada um tem seus desafios. O Robin Arryn é um personagem meio esquisito e as vezes da um frio na barriga saber que vão ter milhoes de pessoas assistindo, por isso é uma grande responsabilidade. Me preocupo em não deixá-lo exagerado ou sem graça. Por outro lado o desafio faz aumentar a diversão do trabalho, além de ser um personagem divertido de fazer por si só. O Menino no Espelho também foi um grande desafio, pois eram na verdade dois personagens (Fernando e seu reflexo, Odnanref) que tinham que ser diferentes, e essas nuances de diferença nem sempre são fáceis de representar, principalmente durante um filme inteiro. Mas todos foram igualmente divertidos de fazer.

O ator Jack Gleeson que interpreta o Rei Joffrey na série, anunciou recentemente que vai deixar de atuar depois de Game of Thrones, em parte por causa do estilo de vida que vem com ser ator em uma produção de sucesso. Você já pensou sobre sua carreira no futuro?

Lino: Eu com certeza gosto muito de trabalhar com a área de cinema, e gosto muito de ser ator. Nunca pensei seriamente em não ser mais ator, porque a experiência ate agora foi muito boa. Mas se eu tivesse que escolher alguma outra profissão provavelmente ainda seria na área de cinema. Como gosto muito de desenhar, talvez seria algo com design de personagens, figurinos, props, e até veículos. Também gostaria de ser diretor.

E como tem sido lidar com a fama? Acreditamos que ela vem crescendo junto com sua idade a cada trabalho que faz.

Lino: Às vezes tem gente no metro que começa a me encarar como se eu fosse um tipo de bichinho de circo, sei la. Acho que talvez pelo meu personagem ser meio repulsivo, as pessoas não querem se aproximar ou falar comigo. Mas eu entendo. Também acontece muito de ter alguém lendo Game of Thrones na minha frente, e não me reconhecer. Agora quando é algum amigo de amigo, ai querem conversar, tirar foto, autografo, etc. É divertido.

Mesmo não assistindo a série, você deve saber que uma boa quantidade de personagens morre a cada temporada. Você está torcendo pelo seu?

Lino: Eu com certeza torço pelo Robin Arryn, e gostaria muito também que ele vivesse algumas cenas de ação, e que ficasse na série por muito tempo!

Você disse que não assiste Game of Thrones e não lê os livros por conta da sua idade. Acha que isso ajuda seu trabalho como ator, em ficar livre dessa influência?

Lino: Acho que pra esse trabalho com certeza não ler os livros ajuda a construir o personagem, que é bastante ingênuo e vive isolado do mundo e dos acontecimentos.

Sabemos que alguns integrantes do elenco se tornaram amigos, como Maisie e Sophie, você tem contato com os demais atores/atrizes fora do set?

Lino:Eu e o Isaac ficamos muito amigos, principalmente na 1ª temporada porque tivemos mais tempo juntos em Belfast (embora trabalhando em sets diferentes), e nos encontramos algumas vezes em Londres. Mas em geral fiquei amigo de todo mundo no set, a equipe toda é muito legal. Também saiamos muito para jantar com a Julie (preparadora de elenco) e a Kate (Lysa Arryn), que são direitíssimas. E tive muitas conversas boas com o Aidan (Gillen).

Você acompanha as reações dos fãs da série online?

Lino:  Eu às vezes vejo alguma coisa, mas não muito. Acho engraçado alguns comentários de gente que acha que eu vou ficar traumatizado para o resto da vida por causa da minha cena, ou que acha a cena a mais chocante de todas da série. Como se tivesse algum conteúdo sexual ou violento, e não simplesmente uma criança sendo amamentada (e diga-se de passagem pra quem ainda tem duvidas, era um seio de silicone – e eu usei uma ‘maquiagem de leite’). Mas cada um é cada um. Acho que num lado positivo, a cena levantou uma discussão muito importante hoje em dia, sobre amamentação e o quanto os nossos conceitos mudaram. Hoje em dia muita gente acha mais natural um bebê mamando na mamadeira do que no peito.

Seus pais acompanham a série? O que eles acham do sucesso de Game Of Thrones e da sua participação na série?

 Lino: Meus pais são super fãs da série e não vêem a hora de assistir a 4ª temporada. Pra todos nos é uma grande honra estar participando de um projeto assim tão bacana. Desde a primeira vez que chegamos nos estúdios em Belfast pudemos perceber o nível elevadíssimo de produção e o cuidado com cada detalhe, incluindo o cuidado pessoal. O Dan e o David são excepcionais: mesmo absurdamente ocupados com tanto trabalho, fazem questão de nos visitar no trailler para darem as boas vindas e agradecer a nossa presença. Essa atenção e cuidado contagia toda a equipe, o clima todo é muito positivo e por isso o resultado é tão bom!

Você poderia comentar sobre como foi selecionado para o papel de Robin, como foi sua audição?

Lino: Na verdade, eu cheguei a fazer uma audição para o Bran Stark (no piloto), e embora aparentemente tivessem gostado de mim, me acharam muito novo para o papel. Então quando a serie foi aprovada, me chamaram pra fazer a audição do Robin Arryn. Voltei acho que mais duas vezes para os recalls, até que a minha agente nos deu a boa noticia. Eu lembro que estava com muita energia e muito confiante, não que eu achasse que ia ganhar o papel, mas comigo mesmo. Lembro que a Nina Gold (diretora de casting) foi muito legal, e na hora eu dei tudo de mim.

Apesar de não ler os livros, você já sabe o que acontece com seu personagem?

Lino: Como conheço muitas pessoas que lêem os livros e tenho muitas conversas sobre o desenrolar da historia. Tenho uma ideia boa do que que vai acontecer, isso se a série acompanhar os livros diretamente. Mas além do quinto livro não tem muito como eu saber…

Você vai estar no Brasil para o lançamento do filme em 2014?

Lino: Ao que tudo indica, sim. Não vejo a hora de reencontrar todo mundo!

Lino Facioli. Foto de Pete Bartlett.

Lino Facioli. Foto de Pete Bartlett.

Além de inglês e português você fala outras línguas?

Lino: Na escola primaria eu tinha aula de francês, e agora na escola secundaria tenho aula de alemão, e fazia aula de espanhol ate ano passado. Meu francês e alemão ainda são meio básicos, mas no espanhol me viro bem (apesar de ficar com vergonha pra falar).

Como você faz para conciliar os estudos e o trabalho, já que você precisa conciliar as viagens e tudo mais?

Lino: Não sei se meus professores concordam (rsrs), mas eu me dedico bastante aos estudos. Quando tenho gravações, geralmente existe um tutor no set que me orienta para fazer os trabalhos que a escola passa. As vezes é meio puxado, mas vale a pena. Eu gosto muito do que faço!

Quais são seus personagens favoritos em Game Of Thrones?

Lino: Não sei se são meus personagens favoritos, mas eu gosto muito da atuação da Kate (Dickie), do Jack (Gleeson) e do Ciaram (Bermingham).

Você gosta de assistir seriados? Quais você vê atualmente?

Lino: Não tenho assistido nenhum seriado atualmente, tenho assistido mais filmes. Gosto muito de assistir clássicos como Nosferatu, ou 2001 – Uma Odisséia no Espaço. Adoro os filmes do Wes Anderson e Spielberg em geral, ir ao cinema é um de meus programas favoritos. Mas estou curioso pra assistir Breaking Bad.

Você gosta de ler? Quais são seus livros favoritos?

Lino: Eu adoro ler. No momento estou lendo Ham on Rye, de Charles Bukowski. Estou gostando muito. É bem cru e bruto, sem filtros, como se tivesse saído direto da mente dele para o papel. Antes desse estava lendo Fundação, de Isaac Asimov, que é o estremo oposto: bem técnico e estruturado, bem intelectual e nada emotivo, mas muito interessante. Quando eu era menor adorava todos os livros do Roald Dahl, e me identifiquei muito com The Daydreamer, de Ian Macewan.

Sabemos que você viaja sempre para o Brasil, você tem um local preferido aqui?

Lino: Adoro visitar a casa dos meus avós no interior de SP, a fazenda onde a minha tia mora, e gostei muito do meu tempo em Cataguases (onde gravamos O Menino no Espelho). Também adorei o Rio, e gosto muito de visitar meus parentes e amigos em São Paulo e no Guarujá.

Pelas respostas do Lino, podemos observar que ele é uma criança bastante madura para sua idade, já tem algumas perspectivas sobre sua carreira e um ótimo gosto literário. Sobre a controversa cena com Kate Dickie, é interessante que ele tenha uma visão bastante amadurecida sobre isso, também sempre achei que era tempestade em um copo d’água e que havia muito mais coisas escandalosas na série do que isso.

Agradecemos ao Lino pela atenção e à sua mãe Claudia Schmidek pelo contato e intermediação da entrevista. Aproveitamos para desejar sucesso ao Lino em sua carreira e boa sorte para o personagem dele em Game Of Thrones! Ficaremos na expectativa pelo retorno do núcleo do Ninho da Águia nesta temporada. Já sabemos que a HBO reformulou todo o cenário para este ano.

O menino no espelho tem previsão de estreia para junho nos cinemas.

A 4ª temporada de Game Of Thrones estreia no dia 6 de abril de 2014 nos EUA.

Importante: Para comentários com spoilers dos livros, indiquem ‘[SPOILER LIVRO X]’ antes da mensagem.

Compartilhe:

Ao comentar no site você aceita as regras previamente estabelecidas.

Posts Relacionados

  • Deve ser o ator mais humilde do elenco, provavelmente junto com a Esmé Bianco hahaha

  • Samuelxc

    Muito legal a entrevista !!!

  • Felipe

    Parabéns pela entrevista.bacana

  • Gente, ele lê Bukowski. Na idade dele eu jogava videogame e lia harry potter hahahahaha 🙂 Ele é super culto e parece ter grande influência dos pais nisso.

    Eu não vejo a hora de ver ele e a lysa na quarta temporada.

  • Caio

    Parabéns Lino e equipe do GOTBR

  • LyannaStarkWIC

    É ótimo ver atores brasileiros fazendo sucesso lá fora, e realmente um dos pontos positivos de GOT é ter um elenco de vários países.

    Super ansiosa por ver novamente o ninho da águia.

  • Daniel Mancini Bitencourt

    Na idade dele eu comia areia! rs

  • Eduardo Amorim

    Gameofthronesbr cada vez mais top, o melhor site com certeza sobre GoT.
    E sobre o Lino já falaram tudo o que eu tinha pra falar dele no fim, “menino” super maduro apesar da idade.

  • Bill T.Prefect

    Caraca, fiquei impressionado com o bom gosto dele 😮

  • Joao Palmadas

    Sabem, é nessa idade, na infância e no começo da adolescência, que a pessoa deve aprender outras línguas. o cérebro está na idade ideal para assimilar outras informações, principalmente na área linguística. E quanto mais línguas a pessoa aprende, mais fácil aprender outra língua depois. Se ele se dedicar, pode dominar muito bem inglês, francês, alemão, português e espanhol e depois vai ser mole aprender outra língua. Uma das poucas coisas não absurdas no livro é a Missandei falar um monte de línguas com apenas 11 anos (na série ela disse para a Dani que fala 19, mas na série ela não tem só 11 anos). O Lino, na vida real, tem 14 anos fala inglês e português e ainda rudimentos de alemão, francês e espanhol… Imagine se ele se dedicasse integralmente ao estudo de línguas!

  • Obrigada! !!!!!! Muito orgulhosa aqui.

  • Eu via dragon Ball.

  • Obrigada!

  • Fantástico!!!
    Me impressionou e me orgulhou, ver um ator brasileiro com tão pouca idade e tantas conquistas. Boa sorte Lino, sua carreira promete ser brilhante!

  • VB mendrot

    ele é um elfo?

  • jorge_lito

    O nome do cachorro é Capeto. kkkkk
    Pra não dizer outra coisa….
    Também tenho que dizer, parabéns a todos da equipe do site.
    Visito todos os dias.

  • BrunO_R

    Eu jogava Mário, Bomberman, assistia dragon ball e cavaleiros do zodíaco…Nem ler eu lia! Como eu era burro!!

    Um belo exemplo de menino. Parabéns a ele pela genialidade com tão pouca idade e ao GoTBr pela entrevista!!!

  • Capeto é um nome bem peculiar…

    Muito obrigada e continue nos visitando sempre!! ^_^

  • HU3zileiro

    Uma palavra: sorte.

  • Matheus

    Eu lia diario de um banana

  • Matheus

    Olha, acho que o SBT aprovava ele pra apresentar o Bom Dia & Companhia

  • Daniel Batista

    eu nao sabia que ele era brasileiro, da ate um certo orgulho!!!!

  • Cid D´Avila

    Capeto é o nome do lobo do Fantasma. Como todo menino que cresceu nos anos 40, o Fernando Sabino certamente era fã do Espírito-que-anda…

  • dá mesmo.

  • Cid D´Avila

    Se ele lê Bukovski, qual o problema em assistir a série?

  • HAHAHAHAHAHA

  • Cid D´Avila

    Excelente entrevista. Esse guri é bom, hein. Engraçado eles não terem escolhido ele para fazer o Bran por ser muito pequeno, pois o Isaac está crescendo rápido demais…

  • Isabella

    Amei esse menino e que gosto literário excelente

  • Pois é, eu tb pensei nisso. Pelas fotos ele tá menor que o Isaac.

  • Werner Robert Schmidek

    No dia em que criarem o troféu Vô Coruja vou ser um candidato quase imbatível a ele! A casa tá à disposição como sempre!. Beijos pros três!
    Werner

  • Hah, acho que ele é bom demais pra esse programa viu? =D

  • Não acho que seja apenas questão de sorte, tem talento, esforço, estudo, dedicação.
    Se fosse somente sorte, acho que ele não faria outros trabalhos e poderia ficar limitado a apenas um papel pela sorte de ter sido escolhido. ^_^

  • Ah imagino que seja mesmo um avó coruja, quando falamos em lugar favorito o Lino lembrou imediatamente da casa dos avós! <3

  • Jon Snow Mirim

    Cara, ele iria ser o Bran, imagina um Br hue sendo um Stark… q foda.

  • Rita Cássia Neves Dacanal

    Dr Werner, eu e minha família estamos esperando criarem o troféu “Amigos Coruja”. Parabéns pelo neto tão talentoso!!!!! Abraços ao Lino ,à Kika e ao Kako. A nossa casa também está à disposição, sempre, pro nosso café da tarde!!!!! Abração.

  • Felipe Lobato

    Quero um filho assim, digo só isso.

  • Gabriel Sansigolo

    Muito bom conteúdo… Que venha mais!

  • SirBeyond

    Pior que se eu nao me engano ele tem 13 anos, e nos livros é extamente essa a idade do Bran, não é mesmo? Penso que se não fosse a idéia da HBO de envelhecer os personagens (Daenerys com 13 anos no livro sendo estuprada por um selvagem dos cavalos seria foda) ele teria sdo um bom Bran Stark.

  • SirBeyond

    Acho que ele já pode elr os livros .-. fiquei meio q n sei aki… acho que ele tem 13 anos né? eu tenho 15 e comecei a ler o livro com 12 o.o

  • Obrigada, já estamos com outra entrevista engavetada!

  • Daniel

    Gente, como assim esse menino tem 13 anos? Eu com 17 me senti humilhado ahushaushaushaushauhsua O garoto é muito promissor, sucesso na carreira!

  • Daniel

    Seria um desperdício de talento ! haha

  • Eu ainda vejo Dragon Ball kkkkkkk

  • Ana Moura

    Pensei a mesma coisa.

  • Eduardo Amorim

    Pode ficar orgulhosa mesmo, vcs todos da equipe GoTbr estão fazendo um otimo trabalho!!!

  • Pra quem lê Bukowski, não há nada que o proíba de ler As Crônicas. A não ser que seja pra não interferir na interpretação do personagem na série. hehe Mas ele lê coisas melhores do que a própria série, taí uma forma de ver porque ele é “maduro” e um ator promissor.

  • HU3zileiro

    “Se fosse somente sorte” ele estaria “apenas” em Londres e talvez não fosse um ator; mesmo assim já estaria melhor que nós, aqui no HU3ZIL. 😉

  • Matheus

    Veio um flash da Maísa na minha mente fazendo o papel da Myrcella agora, no fundo eu ri, no fundo.

  • Matheus

    O Lino (pelo menos na serie) tinha mais cara de criança mimada na época das primeiras temporadas, agora não sei, apesar de que deve ser atuação sei la.

  • Arthur Britto

    Eu também. Rsss…

  • Hahah não sabia dessa. E olhe que eu acho o Fantasma bem legal.

  • Eu gosto de diário de um banana tb Kkkkkkkkkkkkk
    Rodrick rules cara

  • Matheus

    kkk, e o pior é que eu ainda leio.

  • Cara, melhore seu tom e diminua essa agressividade. Não tem necessidade disso.

  • Gabriel Sansigolo

    Aguardo é confio!

  • Cristina Quirino

    Parabéns Lino!!!! Estamos com saudades de vc e doidos para nos reencontrarmos. Muito sucesso!!! Cristina e Murilo Quirino.

  • Thatiane

    Estamos com saudades Lino, me lembro muito bem do passeio na floresta do hotel..kkkk Foi ótimo ver vcs se divertindo!

  • Aparecida Facioli

    SIM OBRIGADA APARECIDA FACIOLI.

  • Aparecida Facioli

    MEU SOBRINHO NETO! QUE ALEGRIA VE-LO,O QUE PARA NÓS NÃO É NENHUMA SURPRESA,POIS DESDE SUA INFANCIA JA ERA UM UM ATOR,JA NASCEU COM A ARTE NO SANGUE BRAVO!!!! BJS TIA CIDA

  • Matheus Borges

    aushaushahua meu deus, que trash :V

  • Laercio vilanova

    Myrcella a menina monstro.

  • Laercio vilanova

    com 11 anos eu ainda comia areia…

  • Locke Venture

    Pensei nisso tb…rs

  • Elisa Raquel

    Virei fã do garoto! hahaha

  • Vinícius Figueiredo

    Acho que este garoto é um ótimo exemplo.Quem sabe depois de ler esta entrevista algumas pessoas no Brasil de 20 a 30 anos possam ler um livro pela primeira vez.

  • João Fernandes

    Se a mãe não deixou o garoto ler GoT, vai deixar assistir Breaking Bad? kkkkkkkk

  • Aryeh Naberrie

    Estou na MESMA situação.

  • Paola

    Pensei o mesmo… não ler GoT pq é sexual, mas ler Bukowski, não faz mto sentido…

  • bakerstreetbr

    Que menino prodígio! Super inteligente.