Entrevistamos Kit Harington e Richard Madden no Rio

Os atores chegaram na quinta-feira e viraram a cidade de cabeça pra baixo. A convite dos amigos da HBO Brasil, ganhamos credenciais para acompanhar a chegada de Jon Snow e do seu irmão, o Rei do Norte, de perto. Veja agora o relato das nossas repórteres cariocas que conheceram e entrevistaram dois dos caras mais legais dos Sete Reinos.

por Nathalie Jourdan e Juliana Scaffa
enviadas especiais

Chegamos lá mais ou menos 8 e meia da manhã e rumamos pro sexto andar do hotel onde já tinha uma salinha reservada pra imprensa com os staffs fofos da HBO ajudando todo mundo com dúvidas e o que mais pudéssemos querer perguntar. Tinha uma TV nessa salinha que ficava passando um loop infinito do primeiro episódio da segunda temporada (e ao longo do dia eu não aguentavamos mais ouvir “power is power” e “the night is dark and full of terrors). A sala de tinha uma vista linda para a praia de Copacabana. Só havia alguns jornalistas, blogueiros e repórteres, um grupo bem restrito de pessoas. A primeira atividade foi às 10 da manhã onde fomos junto com os fotógrafos pra uma sessão de fotos com o Richard e o Kit numa sala ao lado. Os dois já chegaram arriscando um portunhol “HOLA! OLÁ!” e a galera já simpatizou. Eles foram super simpáticos e o photocall rendeu. Na hora de ir embora eles soltaram uns clássicos “OBRIGADOW!”.

Depois do photocall eles fizeram diversas entrevistas fechadas com repórteres de emissoras etc e tal e isso se arrastou mais ou menos até o horário do almoço, que rolou lá pra meio dia e pouco. Antes do almoço eles ainda tiveram um tempo pra descer até a portaria do hotel e atender os fãs que tavam lá (tinha gente que tava desde às 7 da manhã) por uns 15 minutos. Deram autógrafo, tiraram foto, abraçaram e essas coisas de sempre. Novamente eles foram muito fofos com todo mundo.


Voltamos pra sala da imprensa e ficamos esperando lá até dar 15hrs para participarmos da mesa redonda que ia rolar. A mesa redonda com direito à perguntas aconteceu lá pras três e pouco da tarde e conseguimos algumas respostas bacanas. Na mesa estávamos falando sobre os olhos de Harington (“puppy eyes” dizíamos entre brasileiros e argentinos), quando Jon Snow (gente, ele é o Jon!) entrou na sala perguntando algo como “What about my eyes?” (seus olhos? São muito expressivos, são como de cãezinhos abandonados!). Os dois foram muito delicados, são atenciosos e extremamente educados.

– Kit, como foi gravar na Islândia? Foi muito difícil para vocês e para a equipe lidar com todo o equipamento e com o frio surreal do país?

Sim, foi. E nós também tínhamos pouquíssimo tempo de luz do dia. Na Islândia, durante o inverno, tem-se um máximo de quatro horas de luz diurna apropriada para gravarmos então tudo tinha que ser muito muito rápido. Normalmente nas gravações perde-se um tempão ajeitando luz e câmeras e essas coisas, mas na Islândia nós tínhamos muito pouco tempo. Foi uma forma diferente de gravar, com as coisas sendo feitas bem rápido, e eu até que gostei porque eu sinto que quando estamos gravando no set normal e ficamos sentados esperando as coisas ficarem prontas, tudo acontece à passos de tartaruga. E, com a história do Jon nessa temporada, eu queria que as coisas acontecessem logo. A Islândia é um país lindo, com pessoas lindas e paisagens lindas. E é perfeita pra essa história de “o que há atrás da muralha”. Se você já esteve lá alguma vez, provalvemente sabe que existem paisagens que não apresentam muitas árvores e parece até que é computadorizado. E se você nunca esteve lá, vá. É lugar muito romântico.

– Kit, soubemos recentemente que a série foi renovada para uma terceira temporada. Pode nos contar um pouco sobre as mudanças de seu personagem da segunda para a terceira temporada sem dar spoilers?

Sem dar spoilers? É meio difícil esse lance de spoiler porque aqueles que leram os livros já sabem o que vai acontecer mas o meu trabalho é o de não estragar as surpresas para os que não leram. Na terceira temporada ele (seu personagem)… ele vai mais a fundo em… (pausa) Não dá pra falar isso sem lançar um spoiler pra segunda temporada. (todos riem) Então, boa pergunta mas… eu não posso responder. (risos)

Em relação às perguntas de outras pessoas: Kit também comentou que não gosta de se ver na TV, que sempre acha que poderia ter feito melhor. Rola um pouco de perfeccionismo e tal. Também falou que gostaria de fazer filmes e que quer continuar fazendo teatro na Inglaterra. Também falou que as roupas que eles usam pra gravar são bem pesadas, com várias e várias camadas mas que são muito bonitas e que pode-se perceber como a série faz questão de fazer tudo detalhadinho. Falou que rolam brincadeiras e pegadinhas entres eles no set e com a galera da produção. Uma vez recebeu um adendo do script do episódio em que mata um white walker com fogo, onde tinha escrito “Jon Snow gets his face horribly burned off. His nose is burned away, his eyes…” e chegou a pensar como seria ter que enfrentar uma maquiagem pesada a cada vez que fosse gravar devido à deformação do rosto de seu personagem que não teria mais olhos, orelhas e nariz. Mas, obviamente, foi uma brincadeira dos escritores. Chegou até a ligar pra mãe e falar “mãe, eles querem destruir o meu rosto”.

– Kit, você lava o seu cabelo quando está gravando Game of Thrones ou não? Os rumores que rolam pela internet são verdadeiros?

São. Eu queria nunca ter dito isso. (todos riem) Eles colocam terra e sujeira na gente e enchem nossos cabelos com produtos oleosos todos os dias. Então eu não lavo. Quando o cabelo fica horroroso aí eles pedem pra lavar e eu fico de boa. Mas eu não lavo.

– Combina com o Jon.

Sim, combina com o Jon!

– Richard, o Robb era um garoto no início da série e acabou se tornando praticamente um homem adulto em um curtíssimo período de tempo. Como foi pra você mudar a sua linha de atuação ao acompanhar o amadurecimento do seu personagem? Como você lidou com esse espírito de liderança crescente de Robb?

Foi uma das melhores coisas nessa temporada pra mim porque na primeira ele é apenas um garoto que tem que crescer rapidamente, e na segunda temporada ele está fingindo ser um homem o tempo todo. Isso é o que eu acho mais bacana, ele está FINGINDO ser um homem. Ele tem um exército que precisa vê-lo como um homem e um líder; ele tem inimigos que o fazem ter a necessidade de ser um homem e de intimidá-los e em certas cenas você pensa “ele é tão jovem e ingênuo”… Acho que isso faz parte daquelas coisas de garoto que quando estão crescendo tentam ter uma postura de homem maduro e é assim, tentando fingir ser um homem, que eles realmente se tornam homens de verdade. E o Robb está passando por diversas fases. Muitos personagens da série constantemente vestem “máscaras”, que acabam caindo. O Robb tenta manter essa máscara. Ele também tem uma relação madura em relação à guerra, posicionando-se na linha da frente, conversando com os soldados, comendo com os soldados…

– Richard como foi trabalhar com projetos menores e de repente fazer parte de uma mega produção como Game of Thrones?

Foi um presente! O meu personagem nunca teve uma cena na sala do trono, mas quando eu entro no set é maior do que o que a gente vê pela TV. É tudo gigantesco! Eu nunca tinha trabalhado num set desse porte mas, sabe, como um ator eu já fiz coisas menores, que duram 3 meses de gravação. Com GoT são 6 meses! Vão fazer quase quatro anos desde que li o script da série pela primeira vez. Eu tive quatro anos para me preparar e desenvolver esse meu personagem.

Richard também comentou sobre o peso das vestimentas usadas nas gravações e de como são pesadas e cheias de camadas e de como é quase impossível subir em um cavalo usando o figurino do personagem.

Depois que a mesa redonda terminou as atividades do dia foram encerradas mas ainda tinham fãs na porta do hotel esperando que eles aparecessem novamente. Quatro horas depois, Richard e Kit resolveram aparecer para novamente dar autógrafos e tirar fotos.

 

Ganhamos momentos incríveis com os atores, tivemos olhares e sorrisos para nós, perguntas respondidas e simpatia esbanjada tanto por Kit quanto por Richard. Ficamos muito feliz pelos fãs que conseguiram fotos e autógrafos, que entregaram suas fanarts, recebidas tão fervorosamente pelos dois atores (que saíram para ver os fãs novamente por volta de 20h). Espero que gostem do resultado desse dia com os meninos Stark!

—————————————————————————————

Experiência unica e inesquecível para quem esteve lá, sem dúvida. A equipe do Game of Thrones BR agradece ao convite da HBO Brasil ~<3 e que venham mais muito encontros surpresas como este.

Compartilhe:

Ao comentar no site você aceita as regras previamente estabelecidas.

Posts Relacionados