Iron Throne Awards: melhor episódio da primeira temporada

Desde o início da votação, o episódio vencedor passou na frente e não saiu mais!
Com praticamente metade dos votos (incluindo o meu!) o episódio 1.09 “Baelor” foi o vencedor!!!
Em segundo lugar, vem o episódio 1.10 “Fire and Blood”
Resultado da votação
Clique na imagem para ampliar
Como pedimos, muita gente colocou sua opinião sobre o episódio nos comentários, então agora segue a nossa:
Lizzy:
Quando no livro um, eu li que Joffrey ordenou a execução de Ned, fiquei tão indignada, perturbada e inconformada, que reli inúmeras vezes pra confirmar se aquilo tinha realmente acontecido. Como assim,  Sansa ficaria à mercê de Joff? E Arya, o que seria dela? Sem falar nos sete reinos, sob o poderio dos Lannister. Daí pensei: poxa, Ned apesar de toda sua honra, bravura e “bondade”, tomou atitudes tão pouco sábias, que acabaram o levando a morte- me fazendo criar enormes expectativas acerca de como seria a repercussão disto no futuro das outras personagens. É. Logo, esse foi o acontecimento mais relevante e impressionante do livro um e torna o episódio nove o mais “esperado” por mim, digamos assim. Além disso, a emoção que tive em poder ver as reações das personagens sendo representadas naquele momento me cativou de tal maneira, que acabou de definir minha preferência por “Baelor” (1.09).

Leandro:
Gostei muito do 9 (“Baelor)”, mas analisando friamente, agora voto no episódio 8, The Pointy End e explico o porque.
Vão me esculhambar por isso, mas é o episódio onde finalmente as coisas acontecem pra maioria dos personagens e é onde eles finalmente deixam de responder ao que lhes é jogado e tomam alguma atitude.
– Drogo finalmente mostra a que veio (apesar de ser a última cena “alive” dele)
– Dany se assume como Khalessi, dando ordem em todo mundo
– Ned que eu achava que era somente cego de tanta honra, mostra que é sua honra não é cega, mas fruto de sua bondade
– Tyrion mostrando o quanto é perspicaz (diferente daquele dialogo de bebâdo tosco do episódio 9)
– Até de Varys se consegue apreender alguma coisa nesse episódio! E o lobo de Jon finalmente faz alguma coisa digna de nota!
Enfim, acho que como já tinha lido o livro, gostei do episódio por ser um dos poucos em que finalmente fui surpreendido e da maneira boa 😉


LidianyCS:
Concordando com a opinião geral dos leitores e das leitoras do blog, meu episódio favorito é “Baelor” (1.09), em grande parte por ser quase o clímax da história do primeiro livro e temporada. A morte de Ned dá início a uma série de eventos como a “Guerra dos Cinco Reis”, que será retratada na segunda temporada, pondo um fim a qualquer chance de paz que Westeros ainda tivesse. No episódio seguinte “Fire and Blood” (1.10) muita coisa  extraordinária acontece, como a morte de Drogo e o nascimento dos dragões, mas nada me emocionou tanto quanto a queda de Eddard Stark, Lorde de Winterfell e Guardião do Norte.


Felipe:
“Fire and Blood” (1.10) tem tudo que gosto em relação a bons fins de primeiras partes de uma história. Pouca ação, muita desenvolvimento e, principalmente, ganchos. E o que D&D (inicias dos primeiros nomes dos produtores) fizeram, foi deixar com água na boca os que nunca leram o livro. Não bastava o final ser apenas lido e relido, também tinha que ser visto. Com o raiar de um novo dia, a aurora transformadora em Westeros.”


Cacovsky: 
Episódio 1.09, “Baelor”. Um episódio que pegou muitos fãs da série de surpresa e que emocionou muita gente que já acompanhava pelos livros. Alguns personagens consolidam seu lugar no rol dos que farão falta, como Lord Eddard; outros me conquistaram ainda mais, como Varys… foi um episódio de revelações como a de Aemon, um Targaryen, da espada Garralonga ser passada a Jon Snow, da morte/ressureição de Drogo e também no qual conhecemos Shae, a atual parceira do excelente Tyrion. Como já havia comentado, é meio injusto avaliar episódio por episódio, porque todos os anteriores foram necessários para que as coisas acontecessem no episódio atual mas, Baelor, sem dúvida, surpreendeu a todos e, ao menos pra mim, não deixou nada a desejar.


Então, para felicidade geral, o vencedor é “Baelor”, levando merecidamente o nosso “Iron Throne” para casa! ^^
Fiquem [email protected] e participem  da próxima votação!

Compartilhe:

Ao comentar no site você aceita as regras previamente estabelecidas.

Posts Relacionados