O deus afogado

Continuando a série de posts sobre as religiões em Westeros, após falar sobre “Os Sete” e “Os deuses” antigos“, esse post traz informações sobre “O deus afogado”.

O deus afogado é uma divindade do mar adorada exclusivamente pelos Homens de Ferro em Westeros. A religião do deus afogado é antiga, remonta a antes da invasão dos Ândalos. O Andalos que invadiram as Ilhas de Ferro se converteram à religião local, em vez de suplantá-lo com os Sete fizeram no sul do Westeros. Os seguidores da religião apoiam a cultura naval pirata dos Homens de Ferro. Eles acreditam que o deus afogado os criou para assolar, estuprar e esculpir reinos. Acredita-se que o deus afogado trouxe uma chama proveniente do mar e navegou o mundo a ferro e fogo. O eterno inimigo do deus afogado é chamado de deus da tempestade.

Aeron Greyjoy por Amoka
Sacerdote do deus afogado
Conhecido como Aeron Cabelo-molhado

Afogamento e ressurreição tem um lugar de destaque nas orações e rituais da religião. O afogamento é o método tradicional de execução para os homens de ferro, mas também é considerado um ato sagrado e, os mais fiéis não tem medo dele. Recém-nascidos são “afogados” logo após o nascimento, sendo submersos ou ungidos com água salgada. Clérigos, chamados Homens Afogados, são verdadeiramente afogados pela segunda vez e trazidos de volta à vida com uma forma tosca de ressurreição cardiopulmonar. Os homens afogados usam túnicas grosseiras manchadas de verde, cinza e azul. Eles carregam troncos como porretes para uso em batalha, e cantis de pele com água salgada para rituais. A oração comum é: “O que está morto não pode morrer, mas volta a erguer-se, mais duro e mais forte.” (What is dead can never die, but rises again, harder and stronger.)
O deus afogado. Por ~guad
Fonte: AWOIAF
Tags: Tags:,

Compartilhe:

Ao comentar no site você aceita as regras previamente estabelecidas.

Posts Relacionados